A minha vida aos bocados...
Terça-feira, 15 de Setembro de 2009

Não houve inexperiência, nervosismo ou intimidação diante de Roger Federer. Juan Martín Del Potro jogou de igual para igual com o número 1 do mundo e colocou um ponto final no reinado do suíço em Nova York. Em 4h06m, o argentino de 20 anos e 1,98m de altura chocou o mundo do tênis, triunfou por 3/6, 7/6(5), 4/6, 7/6(4) e 6/2 e conquistou o título do US Open, seu torneio preferido, nesta segunda-feira.

 

O jogo teve todos os ingredientes: técnica, tática, raça, vibração e muitas reclamações. O argentino usou bem sua direita fortíssima, chamou a torcida para o jogo e atuou sem pressão. Del Potro também mostrou raça para se recuperar de placares adversos e conquistou a torcida americana. Federer teve a técnica costumeira, a variação de jogo e até catimbou, ao reclamar do adversário. O argentino não deixou barato e também se queixou do suíço.

 

Melhor para o argentino, que entrou no clima do jogo, soltou seus golpes e deixou-se empurrar pelos gritos de "Delpo, Delpo", vindos das cadeiras do Estádio Arthur Ashe. A partir do terceiro set, Del Potro usou a força para dominar as trocas de bola do fundo da quadra e forçar erros do adversário. Nervoso com o adversário e irritado com seus próprios erros, Federer não conseguiu se impor como de costume nos momentos decisivos e sucumbiu.

 

 

In http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Tenis

publicado por DarkAngel às 01:34


mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
31


Últ. comentários
Alcorein!! Há quanto tempo!! Morro de saudades da ...
Estas pesquisas no google são ouro. Os meus coment...
se estás assim agora, imagina no verão! ahah
Eu também!!!
Já tinha saudades tuas!! :-)
Sim,de facto tenho de confessar gosto mais desta v...
Sem dúvida...Mas deviamos ter um botão para aciona...
Há animais que merecem mais carinho do que muitas ...
sim ^^
"que me andam a rondar" ^^
Contador
Hitstats
Globe