A minha vida aos bocados...
Terça-feira, 30 de Março de 2010

Somos cinco amigos; uma vez saímos um atrás do outro de uma casa; primeiro veio um e pôs-se junto à entrada, depois veio, ou melhor dito, deslizou-se tão ligeiramente como se desliza uma bolinha de mercúrio, o segundo e se pôs não distante do primeiro, depois o terceiro, depois o quarto, depois o quinto. Finalmente, estávamos todos de pé, em uma linha. A gente fixou-se em nós e assinalando-nos, dizia: os cinco acabam de sair dessa casa. A partir dessa época vivemos juntos, e teríamos uma existência pacífica se um sexto não viesse sempre intrometer-se. Não nos faz nada, mas nos incomoda, o que já é bastante; porque se introduz por fôrça ali onde não é querido? Não o conhecemos e não queremos aceitá-lo. Nós cinco tampouco nos conhecíamos antes e, se quer, tampouco nos conhecemos agora, mas aquilo que entre nós cinco é possível e tolerado, não é nem possível nem tolerado com respeito àquele sexto. Além do mais somos cinco e não queremos ser convivência permanente, se entre nós cinco tampouco tem sentido, mas nós estamos já juntos e continuamos juntos, mas não queremos uma nova união, exatamente em razão de nossas experiências. Mas, como ensinar tudo isto ao sexto, pôsto que longas explicações implicariam já em uma aceitação de nosso círculo? É preferível não explicar nada e não o aceitar. Por muito que franza os lábios, afastamo-lo, empurrando-o com o cotovelo, mas por mais que o façamos, volta outra vez. "Franz Kafka"
publicado por DarkAngel às 04:09

Segunda-feira, 29 de Março de 2010

 
 
publicado por DarkAngel às 04:33

Sábado, 27 de Março de 2010

publicado por DarkAngel às 13:17

Quarta-feira, 17 de Março de 2010

Achei que devia recordar a malta que passa por cá que as manas existem!

 

:)

 

 

publicado por DarkAngel às 05:30

Segunda-feira, 15 de Março de 2010

http://coisaseventualmentedocatano.blogspot.com/2010/02/coisas-do-catano-peni.html

 

Por Inês Brito

 

publicado por DarkAngel às 05:53
tags:


Agarro-me por dentro

Ponho-me a pensar

Será este o caminho

Onde quero eu estar?

 

O frio faz-se sentir

Anseio pelo calor

Sei que vou conseguir

Adiar mais um pouco a dor

 

Num abrir e fechar de olhos

Oiço um pedido de ajuda

Logo coração diz

Vai depressa e muda!

 

O frio já se esquece

Quando o sorriso aparece

Segues o teu rumo

Ela ficou com o teu nome, Bruno

 

Pouco importa a recompensa

Pois fica gravada a história

De quem um dia disse o que pensa

E fez o coração gritar vitória!

 

Mais um momento do caminho

Que não ruma à felicidade

Pois quem anda sozinho

Depressa perde a liberdade

 

No fim surge um amigo

Que pede a tua companhia

Também ele sozinho

À procura de alegria

 

Desabafos, teorias...

Vão quebrando o silêncio da viagem

Falamos de ideias num futuro

Que por vezes parecem só uma miragem

 

Acreditar que Tu és um caminho

Saber que a felicidade faz parte da viagem

Tentar ouvir o coraçãozinho

Abraçar a vida com coragem

 

Bruno Dias, The DarkAngel

 

 

publicado por DarkAngel às 04:52
sinto-me: Não sei, a sohar talvez...

Quinta-feira, 04 de Março de 2010

 

 

 

when it hurts too much to pretend
and the words burn inside your head
you can't say what you really mean
it's not that easy

if we never let each other know
let the light shine in upon our souls
we can dream, but we'll never see
what life could be

someday i'll find you
and i'll catch you
when you look my way
someday you won't be afraid and you'll find the words to say
they were always there anyway
and i will be waiting
i will be waiting(x3)

when the tears are slowly melting down
and your heart's stuck on a merry-go-round
prayin' you could find a sign for when
this game will end

someday i'll find you
and i'll catch you
when you look my way
someday you won't be afraid and you'll find the words to say
they were always there anyway
and i will be waiting

when you loose your thoughts
from a single look
when you can't remember
the last breath that you took
and i will be waiting(x4)
slowly melting down

when it hurts too much to pretend
and the words burn inside your head
i will be waiting (x2)

 

 

 

publicado por DarkAngel às 03:57
música: I Will Be Waiting


 

 

 

Adoro

publicado por DarkAngel às 03:51


mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26

28
31


Últ. comentários
Este poema de E.E Cummings é um dos meus favoritos...
Alcorein!! Há quanto tempo!! Morro de saudades da ...
Estas pesquisas no google são ouro. Os meus coment...
se estás assim agora, imagina no verão! ahah
Eu também!!!
Já tinha saudades tuas!! :-)
Sim,de facto tenho de confessar gosto mais desta v...
Sem dúvida...Mas deviamos ter um botão para aciona...
Há animais que merecem mais carinho do que muitas ...
sim ^^
mais comentados
95 comentários
17 comentários
15 comentários
14 comentários
13 comentários
13 comentários
13 comentários
12 comentários
11 comentários
11 comentários
Contador
Hitstats
Fala Comigo
Euromilhoes
subscrever feeds
Links